Infelizmente, esta promoção não está disponível
The Count Lucanor + Soundtrack R$4
150° Acabou

The Count Lucanor + Soundtrack R$4

R$4Vendido por Steam
1
150° Acabou
The Count Lucanor + Soundtrack R$4
15 de fevereiro de 2021

Esta promoção está encerrada. Aqui estão algumas opções que podem te interessar:

Um jogo surpreendente que poderia ser bem melhor
Estava vendo minha lista de exploração na Steam Sale e me deparo com esse jogo, me interessei e resolvi dar uma chance. Com toda certeza eu não me arrependo, o jogo é bom, mas alguns detalhes poderiam deixar ele EXTREMAMENTE melhor.

Primeiro aspecto é a arte. Simples, mas eficaz. Para a proposta do jogo está perfeita, porém poderia estar mais polida principalmente nas cutscenes. Além disto, da para notar que há partes onde foi só um ctrl C + V para não colocar mais detalhes. Algumas árvores, principalmente a vegetação, a luz/sombra não combinavam com o local proposto, enfim, algumas coisas que poderiam deixar muito mais agradável.

Segundo, a trilha sonora. Nada a se comentar, ela é muito bem feita, muito boa e causa o sentimento correto na parte correta. Querem que tu fique assustado, pode ter certeza que isso vai acontecer. Os poucos sons produzidos pelos monstros é o suficiente.

Pois bem, agora outros aspectos bem importantes. A história é o melhor do jogo, isso é fato. Você quer saber as coisas, descobrir sobre cada personagem, e isso que da a graça no jogo. Infelizmente ela é bem curta, consegui terminar o jogo em 3.7h e voltei 2x no save para pegar 2 finais alternativos, que são bem interessantes por sinal. Maioria dos personagens são muito legais e são bem expressados, mas não todos, e isso inclui o principal. O mesmo, que é uma criança de 10 anos, parece que eles não conseguiram mostrar isso muito bem e acabou ficando um personagem EXTREMAMENTE artificial e forçado. Outros personagens consiguiram ter diálogos bem expressivos e mostraram bem como eles são, como no caso a exploradora e o Kobold (bixo azulzinho). As falas são "jogadas o diálogo inteiro" (mostra ele inteiro, como se fosse uma carta), acredito que se fosse mostrando letrinha por letrinha como se tivesse sendo escrito (muito comum em jogos assim), o impacto emocional seria muito maior. Tirando isso, o roteiro e enredo é um ponto muito forte, e embora muita coisa seja clichê, eles são muito bem utilizados. Ah, e não se engane, o jogo parece ser bonitinho, mas só no início, depois se prepara para sentir terror psicológico e ser bem surpreendido.

Por fim e mais importante, o gameplay. Puzzles de dificuldade fácil e médio, nada muito difícil (apenas um, o puzzle do "relogio" na biblioteca, que tu demora para se ligar), eu não diria que eles são intuitívos, mas tu consegue desvendar rapidamente com uma ou duas tentativas. A mecânica de ser tudo escuro e você ter que iluminar com velas é algo muito interessante, fora que tu não vais gastar todas as velas e vai sempre tentar tem um número considerável contigo. A mecânica de checkpoints pode-se dizer que é algo que eu adotaria em jogos do estilo. Além de dar uma certa dificuldade, e fazer o jogador escolher ou comprar os itens ou salvar, força ele a sair da zona de conforto, salvar e explorar o máximo que ele conseguir. Eu que sou cagão, resolvi salvar a cada 1 ou 2 puzzles/salas resolvidas, para não perder o progresso. Infelizmente ao decorrer do jogo, tu acabas não tendo mais esses problemas, isso se não gastastes para salvar constantemente. Os "monstros" do jogo assustam, principalmente o Vermelho, depois saberás o porquê. Mas após entender como eles funcionam, tu não sentes mais medo (menos do vermelho, o vermelho é zika), mas sim como se eles fossem apenas empecilhos para chegar aos pontos corretos. E sendo sincero, senti falta de poder correr no jogo, claro que isso arruinaria o medo e teriam que mexer nos monstros, mas há cenários MUITO extensos e que demora DEMAIS atravessar eles, já que tu parece que é um veio aleijado andando de bengala, invés de uma criança de 10 anos cheia de energia. Infelizmente, deixar o personagem mais rápido ou diminuir os cenários, acabaria impactando e deixando o jogo ainda mais curto do que ele já é, então acredito que não acrescentaram isso como uma estratégia de deixar o jogador mais tempo dentro do jogo.

Bugs, vários Bugs. Encontrei muitos, desde uma fala bugada tipo "podep ficarr tranquilo" (tipo isso), inimigos não me detectarem mesmo estando na frente deles em determinados pontos, alguns erros de rota que eles não deveriam fazer e ficaram bugados, o cachorro no final fica preso nos objetos, enfim, vários bugs.

Considerações finais
HISTÓRIA: 8/10 (Clichês bem utilizados, é surpreendente e tem personagens muito legais)
GAMEPLAY: 7/10 (Interessante, desafios na medida correta, mas algumas coisas poderiam ter sido incrementadas)
TRILHA SONORA: 7.5/10 (legal, impacta do jeito correto, mas não achei algo REALMENTE bom e que seja memorável)
DIFICULDADE: 6/10 (começa com algumas coisas difíceis e faz o jogador se sentir perdido, depois você decora tudo e fica fácil até demais, claro, falando de modo geral)

NOTA FINAL: 7.7
Particularmente acho o jogo muito interessante, mas isso é devido ao level design e a história do jogo, se formos levar tudo em consideração, vemos que ocorreram muitos erros de amadorismo e que poderiam deixar o jogo muito melhor. Posso ter descrevido muito mais pontos negativos, mas que não anulam os positivos. Se "arrumassem" o que eu falei, com certeza a nota seria em torno de 8.5.
Complementos da Comunidade
1 Comentário
Qual a sua opinião?